Scream VI

Scream VI ★★★½

Pânico VI consegue trazer de volta às telas um Ghostface, violento e sanguinário, muito próximo dos dois primeiros filmes da franquia. Para quem pensou (assim como eu) que seria um desastre produzir um Scream sem a personagem principal a Sidney, se enganou completamente. A narrativa consegue superar muito bem a ausência da mesma. É visível uma renovação dentro da franquia, com a morte dos personagens anteriores (Gale e Dewey) e a introdução desse novo grupo de amigos. Porém, o que sustenta essa franquia de filmes é o passado dos personagens, não vemos nenhuma novidade em termos de roteiro ou uma abordagem diferente na apresentação do assassino.

Ao trazer o Ghostface para Nova York, o filme passa a se tornar mais dinâmico e menos arrastado do que em versões anteriores. Destaco a criatividade dos diretores, trazendo o assassino para o metrô e para as ruas da cidade (rendendo ótimas cenas de suspense e tensão), ocorrendo justamente na véspera e no dia de Halloween.

Particularmente gosto muito das atuações e do protagonismo que as irmãs Sam e Tara ganharam ao decorrer do filme anterior e neste também. Acredito que possa ser explorado um pouco mais a “presença” do primeiro Ghostface, o Billy junto do lado sombrio de sua filha Sam. De qualquer maneira, a expectativa para os desdobramentos e o futuro da franquia são altos. Visto as inúmeras possibilidades de exploração desse universo, praticamente recém-criado pelos novos diretores.

Block or Report

Victor liked these reviews

All