Favorite films

  • I Walked with a Zombie
  • Comrades: Almost a Love Story
  • Blackhat
  • At Land

Recent activity

All
  • Ratatouille

    ★★★★★

  • Superbad

    ★★★★½

  • Meu Compadre, Zé Ketti

    ★★★★★

  • The Matrix Revolutions

    ★★★★½

Recent reviews

More
  • Ratatouille

    Ratatouille

    ★★★★★

    "In many ways, the work of a critic is easy. We risk very little, yet enjoy a position over those who offer up their work and their selves to our judgment. We thrive on negative criticism, which is fun to write and to read. But the bitter truth we critics must face, is that in the grand scheme of things, the average piece of junk is probably more meaningful than our criticism designating it so. But there are times when…

  • Superbad

    Superbad

    ★★★★½

    Seria fácil demais pra Greg Mottola simplesmente rir com a mentalidade tão problemática dos seus personagens em cena, mas o diretor parece querer entender a razão de serem como eles são. Nesse caso, é uma comédia do nicho "besteirol" que está mais pra doçura de um "The Girl Next Door" do que pra uma dinâmica do exagero sexista de qualquer outra obra que siga os códigos dessas produções envolvendo adolescentes em suas descobertas sexuais. Os três protagonistas de Superbad não…

Popular reviews

More
  • Old

    Old

    ★★★★★

    divagações escritas no meu blog

    O filme mais pessimista de Shyamalan desde The Happening, em 2008. Quase um atestado de que, pela primeira vez, o diretor deixou completamente de ter fé. Uma espécie de "foda-se a esperança. vocês querem o desespero? tá aí!" por parte do cineasta. Uma profunda e explícita divagação sobre a ideia de tempo: desperdiçamos anos de vida amargurando dores, sofrendo por antecedência, angustiados, desesperados, idealizando no futuro a paz e felicidade daquilo que não aproveitamos hoje.…

  • Malignant

    Malignant

    ★★★★½

    O cinema de James Wan sempre foi movido pela exaltação aos mais variados subgêneros do horror ao longo dos anos, do torture porn (Saw) até possessões e demônios (As franquias Sobrenatural e Invocação do Mal), seus filmes sempre exaltavam o clássico mas nunca perdendo uma personalidade muito própria de lidar com tais elementos. Vai desde o irônico até o explícito e se consagra no assumido, que explora o que está em cada cena de maneira sempre direta, clara e sem…