• Charade

    Charade

    ★★★★

    Good comedy (most of it)
    Nice mistery
    Questionable quality romance

  • Tremors

    Tremors

    ★★★★

    Without Dune, we go for sand pile. It's actually good.

  • Bo Burnham: Inside

    Bo Burnham: Inside

    ★★★★★

    I won't express my opinion on this shit.

  • Where Is My Friend's House?

    Where Is My Friend's House?

    ★★★★½

    80 minutos de adultos ignorando a louvável lealdade de uma criança pelo seu amigo.

  • Tokyo Godfathers

    Tokyo Godfathers

    ★★★★

    Eu sei que desde o início é clara essa conexão com o sagrado, mas ir explorando as coincidências até chegar na intervenção divina não me agradou tanto.
    Dito isso, me emocionei.
    Belo storytelling no geral, bela condução de emoções.

  • Stagecoach

    Stagecoach

    ★★★★

    Ford põe as várias faces da sociedade em uma carruagem, e taca pedra no cavalo.

  • Farinhada

    Farinhada

    ★★★★

    Saudades da infância, que eu ia pra casa de farinha e ficava esperando o beiju ficar pronto- melhor beiju que tinha.
    Isso me trouxe tantas lembranças de uma época que eu era feliz e não sabia. Cheiros, texturas, sons, visões de uma montanha da mandioca que eu ficava correndo em volta. 😢

  • Brief Encounter

    Brief Encounter

    ★★★★★

    👏🏾👏🏾👏🏾👏🏾👏🏾

  • Signs

    Signs

    ★★½

    Two times in a row I predicted the line one of the character would say, by complete accident, this thing alone was more scary than the entire film.
    After 40 minutes I started to feel bored, and the entire religious thing was lame, but it was somewhat enjoyable.

  • The Great Dictator

    The Great Dictator

    ★★★★

    "-csncscjsoicincoacinilcTHEBANANA!
    -adsuihcBANANAaushasid!
    -asuahsBANANA!
    -BANANAoahac!
    -BANANA!
    -BANANA!"
    😭😭😭😭😭

  • Journey to Italy

    Journey to Italy

    ★★★★

    This review may contain spoilers. I can handle the truth.

    Superb craft, but the happy ending was quite a deception.

  • The Bakery Girl of Monceau

    The Bakery Girl of Monceau

    This review may contain spoilers. I can handle the truth.

    O que inicialmente pareceu apenas um conto sobre amor platônico, rapidamente se tornou uma análise de um protagonista vicioso, centrado em seu ego, que busca jogar suas frustações em qualquer um, para que assim se sinta superior.