• Donnie Darko

    Donnie Darko

    ★★★★

    é um filme totalmente complexo e nada indicado para pessoas convencionais assistirem, você tem que realmente prestar atenção em cada detalhe e acima de tudo, você tem que realmente querer entender o que você está assistindo. a trilha sonora é impecável e o final aberto para diversas interpretações foi algo que eu gostei. só não dou 5 estrelas por achar ele maçante devido a chuva de informações numa longa duração de filme!

  • Smile

    Smile

    ★★★

    um filme repleto de jumpscare e plots que acabam sendo cansativos para o telespectador, o final poderia ter sido melhor mas ainda sim, considero um filme bom mas nada surpreendente ou inovador

  • X

    X

    ★★★★

    o filme é bom mas eu senti falta de alguns detalhes do passado da maxxine que querendo ou não, deixou alguns buracos no roteiro mas acredito que o terceiro filme preencherá isso! o filme é envolvente e a filmografia é impecável.

  • Pearl

    Pearl

    ★★★★★

    eu acho essa sequência ainda melhor que o primeiro filme, a maneira como mia goth passa as emoções de pearl é impecável ao ponto de fazer você sentir afeição pela personagem em alguns pontos. obviamente, a personagem é extremamente problematica e suas ações não podem ser romantizadas mas ainda assim, pearl é o lado obscuro da menina solitária que sonha com glamourização.

  • Psycho

    Psycho

    ★★★★★

    um clássico do mundo do terror e o plot é muito bom porque eu particularmente, fiquei de boca aberta quando assisti pela primeira vez, eu acho interessante o desenrolar da protagonista porque já mostra de cara que você pode esperar tudo do filme

  • Dahmer – Monster: The Jeffrey Dahmer Story

    Dahmer – Monster: The Jeffrey Dahmer Story

    ★★★★

    a caracterização e atuação do evan peters é impecável, ele consegue realmente nos passar a energia bizarra do serial killer jeffrey dahmer. eu só sinto falta de mais humanização nas vítimas, acho que se preocuparam mais em humanizar o jeffrey, na questão de que ele era um ser humano que estudava, trabalhava, tinha uma família, tinha sonhos, que esqueceram de mostrar que as vítimas eram ser humanos também, com sonhos, objetivos, amigos, família. eu gosto como mostra o racismo escancarado da polícia e do sistema num todo mas ainda sim, sinto falta de humanização do outro lado, assim como temos no ep 6.

  • Blonde

    Blonde

    ★★

    a filmografia é muito bonita e a caracterização da protagonista é impecável mas em contrapartida, o filme parece um passeio erótico nas fantasias do diretor e as cenas do feto são bizarras e intragáveis. o jeito como a marilyn foi retratada nesse filme é uma ofensa ao legado dela, mas o que mais me incomdou de fato, foi a infantilização ao ponto de chamar todos os parceiros amorosos de "daddy", é bom lembrar que o filme NÃO É AUTOBIOGRÁFICO e mesmo não sendo, não é tão explícito esse aviso.

  • Clueless

    Clueless

    ★★★★★

    esse é definitivamente o meu filme favorito sobre patricinhas porque ele foge daquele clichê de "menina malvada" e consegue nos ensinar muito apesar de aparentar ser um filme fútil sobre abelhas rainhas. eu amo o carisma e todos os looks da cher! 🫶🏼

  • Freaky Friday

    Freaky Friday

    ★★★★★

    esse filme é muito bom e faz parte daqueles filmes teens com lição de moral no final e eu particularmente, amo essa categoria!

  • Carrie

    Carrie

    ★★★★★

    eu amo esse filme e a cinematografia dele, eu também considero o melhor entre todos os filmes carrie's, a protagonista por si só consegue transmitir uma energia bizarra o que ajuda muito na construção do filme

  • The Babysitter

    The Babysitter

    ★★★★

    tem um plot bem mediano e a babá consegue ser mais atraente do que a narrativa principal mas ainda sim, eu considero bom dentro da proposta do filme

  • Picture This

    Picture This

    ★★★

    o filme é bom mas não chega a ser ótimo, eu diria que a atuação engessada dos protagonistas é o que faz o filme ser apenas bom, os minutos finais do filme também é muito corriqueiro, o que deixa muita coisa sem explicação. eu confesso que o filme consegue prender muito bem o telespectador com a sequência de acontecimentos que faz tudo e todos estarem contra a protagonista mas obviamente, acaba sendo exaustivo e previsível.