Spider-Man 2

Spider-Man 2 ★★★★★

This review may contain spoilers. I can handle the truth.

This review may contain spoilers.

Finalmente fazendo review dessa obra de arte em forma de filme de super-herói. É até estranho que eu nunca tinha analisado ele aqui, parando pra pensar. Mas como ultimamente está tendo tanto hype para o "Spider-Man: No Way Home", por que não falar de um dos melhores filmes de super-herói de todos os tempos? Aliás, só uma observação antes de começar essa review: Eu não lembro a data certa da última vez que eu assisti esse filme na íntegra (EDIT: 17 de agosto, data da última vez que falei dele aqui, mas não foi de uma forma tão séria), então botei o mais próximo que consigo lembrar.

O Homem-Aranha faz parte da minha vida desde sempre. Eu devo conhecê-lo desde que eu tinha 1 ano de idade, ou até menos. Eu cresci com seus filmes, principalmente a trilogia e TASM (que acho que são filmes injustiçados, sendo bem sincero). Desde bebê eu via e revia esses filmes O DIA INTEIRO. E eu não estou sendo irônico. Eu era completamente viciado e apaixonado por estes filmes. Eu tinha até uma fantasia do Homem-Aranha da trilogia, que deve estar guardada em algum lugar da casa da minha vó.

Mas o que "Homem-Aranha 2" significa? Responsabilidade, amor, ciúmes, dificuldades da vida, etc. São essas coisas que fazem do Homem-Aranha o super-herói mais identificável e querido. A figura de Peter Parker está presa na mente das pessoas, até mesmo pelas que nem conhecem seu grande universo. Esse filme sabe disso e usa ao seu favor, fazendo o Aranha ser um herói ainda maior do que era.

Peter Parker não é apenas um cara com super-poderes que salva todo mundo e impede crimes por aí... ele é um ser-humano. Uma pessoa real e identificável. Isso fica muito claro na cena em que ele vê a Mary Jane sendo anunciada como noiva de John Jameson (filho do ranzinza e incrível J. Jonah Jameson). Ele não fica feliz. Ele tem ciúmes, pois é apaixonado pela garota, mas não pode ficar com ela por causa da vida dupla que escolheu.

"Escolhas". Esta é a palavra que melhor descreve o conceito de responsabilidade e de como é ser humano. Quando não conhecemos uma pessoa direito, temos uma impressão. Isso é bem diferente de quando a conhecemos. Sabemos de seus segredos e somos íntimos. "Peter Parker... brilhante, mas preguiçoso" é uma frase que exemplifica muito bem o que eu acabei de dizer. Todos têm uma visão de que Peter é irresponsável, não se compromete a nada e parece que nem liga para quem está próximo dele... mas nós, como espectadores, sabemos que isto não é verdade. Ele é um dos personagens mais responsáveis e amáveis que existe, mas não demonstra isso à todos por conta de seu segredo.

Ele sabe que sua vida é perigosa e não quer correr o risco de trazer perigo para sua família e amigos... então ele guarda para si. Ser o Homem-Aranha é uma parte conflitante em sua vida. Por mais que abandone sua vida de herói por boa parte do filme, ele não deixa de ser sincero e se sente mal quando não ajuda quem precisa. Isso fica muito claro com sua expressão ao ver um jovem sendo assaltado, porém ele não faz nada. Isso muda quando Peter resgata uma garotinha de um incêndio. E por conta de sua conversa com a tia May, ele percebe que o Aranha é necessário... e que todos temos um herói dentro de nós.

Ele abandona todos os seus desejos para fazer o que é certo, o que é um paralelo à frase da tia May no próprio filme, e também mostra que o vilão ignorou o que ele mesmo acreditava de que "A inteligência deve ser utilizada para o bem da humanidade" e, ao perceber isto, juntamente com o Peter dizendo a frase de sua tia, que às vezes precisamos desistir de nossos sonhos para fazermos o que é certo, e isto acaba sendo o que motiva sua redenção no final.

Homem-Aranha 2 é um filme humano, feito com carinho e é uma carta de amor aos fãs do personagem. Uma adaptação tão perfeita que é até bizarro saber que ela lançou no mesmo universo de uma que é... duvidosa. Mas como o multiverso é real, só nos resta esperar pelo futuro em "Spider-Man: No Way Home".

Leonardo liked these reviews